Fundamentos da Programação de Computadores: Coisas que você, talvez, não saiba

programação de computadores


Os Fundamentos da Programação de Computadores é uma barreira para muitos iniciantes que desejam ingressar na área.

Os que já trabalham como programadores também passam por isso , a diferença é que já trabalham como programadores e sabem como pesquisar sobre o assunto.

Refiro-me a parte relacionada a criação da estrutura de um programa, criar um IF, um FOR, acessar arquivos e saber como analisar um problema.

A frustração não pode vencer o desejo

O problema é que 90% dos estudantes travam já na primeira fase e desistem de programar computadores, com isso o sonho acaba e a frustração toma conta.

É aqui que a porca torce o rabo (sempre quis dizer isso) , se você desistir nos conceitos básicos, o mesmo pode acontecer em qualquer área da sua vida.

Sendo assim, que tal algumas dicas para ajudar no seu aprendizado ?

Fundamentos da Programação de computadores - Desafio que parece não ter fim

O ano era 1998 e eu entrava na Universidade, confesso que tarde, já com meus 24 anos de idade, mas valeu a pena.

Tive o privilégio de trabalhar com computadores, antes da era Windows, aprendi um pouco de tudo, Basic, dBase, Clipper, DOS, Lotus 123, Word Star e outros programas.

Quando entrei na Universidade percebi que não sabia nada, além do básico do básico, foi a primeira vez que tive contato com linguagens como C, Pascal, Linguagem SQL, entre outras.

Sem falar da linguagem binária e estrutura de dados que foram assuntos complicados na ocasião, mas enfim, passou e cheguei até aqui.

Pense que em 1998 a internet ainda estava gatinhando, HTML era algo novo e nem ensinava-se no curso que eu fazia, mas já era algo bem interessante.

Meu primeiro acesso a internet

Eu tive o privilégio de ter acesso a internet nesta época, 1998, coisa que poucos tinham, além do acesso na Universidade.

Na ocasião não existia o Google e fazíamos pesquisas no Alta Vista e Cadê, depois no Yahoo, Aonde, Achei ou nas páginas amarelas mesmo.

Tudo era novo, inclusive informações sobre programação de computadores, mas eu já conseguia acessar informações, que sem a internet, seria muito difícil.

E eu não era um Nerd raíz, era só um interessado em aprender para entrar no mercado de trabalho.

A vida de um "Não Nerd"

Tive o provilégio de fazer amizade com pessoas muito inteligentes, daquelas que aprendiam com uma rapidez fora do comum, conhece alguém assim?

Isso me incomodava um pouco, eu não entendia como eu e outros amigos não conseguíamos entender determinadas matérias e outros aprendiam quase que automaticamente.

Bem, tem coisas que a neurociência não consegue explicar, mas a realidade é que sim, todos podem aprender a programar, mas cada um no seu tempo.

Mas afinal o que é um Não Nerd ?

Um Não Nerd sou eu, então deixe eu definir-me...

Eu sou uma pessoa de Q.I. normal e considero-me inteligente (pelo menos minha mãe sempre disse que sou), a ponto de entender um livro ou um artigo, enfim, não sou um analfabeto funcional.

O fato de ser uma pessoa normal no sentido da capacidade de aprender não significa que eu tenha que sofrer para aprender algo.

Então eu fiz do meu trabalho o meu lazer ou do meu lazer o meu trabalho e em momentos que eu não estou fazendo o que gosto eu entendo que é necessário e ponto final.

Caso esteja trabalhando em algo que não goste pense assim... Eu ganho o meu dinheiro e não sou um peso para ninguém.

Já trabalhei como office boy, vendedor de loja, vendedor porta a porta, contabilidade e outras profissões, mas nunca deixei de estudar computação.

A leitura de livros me ajudou (e ajuda) muito, afinal um livro é um sonho acordado dirigido, que temos que imaginar e formar imagens para compor a história.

Programando computadores (e celulares) com a imaginação

Não lembro quando ouvi uma frase que dizia algo assim, "Todo sonho já é uma realidade, basta concretizá-lo".

Isso significa que a partir do momento que cria-se um objetivo e a imagem deste objetivo concretizado, basta entrar em ação para que aconteça.

E é ai que está o problema, entrar em ação, alguns possuem ideias maravilhosas, porém não fazem nada (ou muito pouco) para que o sonho se realize.

Parar de tentar quando aparece algum empecilho também é comum, sem contar os que são especialistas na compra de cursos.

Não maratone cursos, isso não é a Netflix

"Olhe só este curso que eu comprei, agora sim eu aprendo a programar ! "

"Veja, eu estou terminando mais um curso, já tenho 18 certificados, legal né ? "

"Quer saber ? Vi hoje que foi lançado mais um curso, vou comprar, agora vai ! "

E por ai vão os consumidores de cursos para programação de computadores, além disso fazem verdadeiras maratonas para terminar todo o conteúdo em 1 ou 2 dias.

A questão é que isso só é bom para quem vende os cursos

Em primeiro lugar quero dizer duas coisas, eu também sou consumidor e criador de cursos, não tenho nada contra.

A questão é que eu sei que você já fez, ou fará isso, comprar um curso e querer fazê-lo o mais rápido possível.

Só que isso não funciona com cursos, livros, universidades ou qualquer outro meio de aprendizado.

Eu mesmo já "corri" diversas vezes para terminar rápido um curso online, só para ter a sensação de tê-lo concluído.

No final das contas deseja-se ter a sensação do dever cumprido, só que quando percebe não aprendeu nada.

O que gera resultados é colocar em prática o que aprendeu, dando tempo ao tempo.

Tá Ricardo, mas e os Fundamentos da Programação de Computadores ?

No livro que leva o mesmo nome deste artigo, Ana Fernandes Gomes Assencio e Edilene Aparecida Veneruchi de Campos mostram o essencial para ser um bom programador.

  • Conceitos básicos;
  • Paradigmas de programação;
  • Estrutura sequencial;
  • Condicional;
  • Repetição;
  • Vetores e matrizes;
  • Sub-rotinas;
  • Manipulação de cadeias de caracteres
  • Registros e arquivos;
  • Programação orientada a objetos

Dentro de cada um dos tópicos abordados existem diversos subtópicos e o aprendizado é excelente, inclusive este foi o livro que abriu-me as portas do entendimento para muitos assuntos na programação de computadores.

Então lendo este livro eu saberei tudo o que preciso ?

Claro que não, é só mais um livro que deve ser "digerido" , com calma, só assim você aprende.

O segredo é, estudar um pouco todos os dias, e de preferência escrever em um caderno o que aprender, isso mesmo, colocar no papel os exercícios, antes de passar para o computador.

Fazendo isso você estará primeiro gravando no seu HD (mente), para depois gravar no HD do computador.

Indicação de cursos

Indicar cursos é algo complicado, por isso se é para falar de algum, falo do meu.

Além de eu ser o responsável, dou suporte aos meus alunos e procuro falar de vários assuntos.

  • Lógica de programação;
  • Excel VBA;
  • Delphi;
  • Lazarus;
  • Harbour;
  • Banco de Dados;
  • Wordpress;
  • Marketing Para programadores;
  • Outros cursos que serão incluídos.
Não tente programar computadores por causa do salário

É comum começar um curso de programação e a classe ter mais de 40 alunos, no final somente uns 10 se formam, mas porque isso acontece ?

O motivo é que a maioria não entra em um curso de informática porque gosta do assunto, mas porque ouviu dizer que é uma área que paga bem.

Mas se paga bem porque tem tanta falta de profissionais ?

Simplesmente porque é um trabalho que exige concentração, capacidade lógica e de raciocínio, e pode acreditar, pensar cansa.

Não é incomum encontrar profissionais que começaram um curso de informática e hoje trabalham em outra área.

Por isso, pense bem antes de começar um curso, nunca leve em consideração somente o fator salário.

Conclusão

Os fundamentos da programação de computadores é um assunto fascinante e depois que você aprender os conceitos principais, tudo fica mais fácil.

Posso afirmar que depois que conhece determinada linguagem de programação a fundo, as outras que venha a aprender serão bem mais fáceis.

Por isso espero que aproveite a sua jornada como programador, e que seja um dos melhores, sei que você consegue.

Só tenha uma coisa em mente, no começo o empenho será maior, mas depois tudo ficará mais fácil.

Desejo sucesso nos seus estudos, qualquer dúvida, entre em contato.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato